Antecipação de recebíveis: o que é e como funciona

  • Postado por admin
  • Categoria: Serviços
antecipação de recebíveis

Antecipação de recebíveis. Você já pensou nesta possibilidade?

Se você tem um negócio ou trabalha no financeiro de uma empresa sabe que nem sempre é fácil manter o capital de giro necessário para financiar a continuidade das operações. Muitas vezes pode faltar recurso e o empreendedor se vê perdido em meio às opções de crédito.

Essa necessidade de crédito pode surgir por muitos fatores. Desde a entrada de um novo concorrente no mercado até erros de planejamento, problemas de venda, sazonalidades, entre outros.

Buscando solucionar rapidamente o problema financeiro, não é incomum que o empreendedor procure linhas de crédito mais acessíveis. Algumas das modalidades são muito procuradas. Exemplos: fazer uso do cheque especial, recorrer ao crédito direto ou até mesmo atrasar o pagamento da fatura do cartão de crédito da empresa.

Porém, é preciso ter cuidado e ficar de olho nos juros. Às vezes, um problema pequeno pode se tornar uma bola de neve quando não administrado da maneira correta.

Uma opção que não é muito conhecida no mercado e pode ser bastante viável e favorável quando se fala de capital de curto prazo é a antecipação de recebíveis.

Mas, fique atento! Assim como qualquer outro recurso financeiro, é necessário ter uma gestão estratégica para não prejudicar os negócios, já que esta operação está ligada diretamente ao fluxo de caixa.

O que é antecipação de recebíveis?

Simplificando, a antecipação de recebíveis é um recurso que permite ao empresário adiantar valores que só seriam recebidos no futuro. Hoje, essa opção é oferecida por diversas instituições financeiras.

Importante salientar que esse valor chega até a empresa com o desconto de uma taxa de juros e encargos com IOF (Imposto sobre Operação Financeira).

Se o seu negócio fornece serviços ou produtos para outras empresas e está precisando de capital de giro, a antecipação de recebíveis pode ser uma boa opção.

Mas atente-se! Após acertar a antecipação e transferir o dinheiro para a conta da empresa, o direito ao recebimento do valor quando o cliente pagar a duplicata, fatura ou cheque, passa a ser da instituição financeira. Ou seja: se um cliente tinha uma duplicata no valor de x reais para pagar a sua empresa, mas você precisou desta quantia antes e acertou com a instituição financeira o adiantamento desse valor, isso quer dizer que no dia que o cliente realizar o pagamento, a quantia irá direto para a instituição financeira.

Um empresário que optar por este serviço deve estar ciente de que não é necessário antecipar toda a quantia que tem a receber. Desta forma, é necessário estudar a situação e fazer uma projeção de fluxo de caixa. Assim, poderá avaliar o valor necessário no momento e a data de antecipação. Caso contrário, a antecipação solucionará o problema no momento, mas acarretará em dores de cabeça no futuro.

Quando a antecipação de recebíveis é indicada?

Pense nessa modalidade como uma alternativa a curto prazo, já que o interessante é usar o valor antecipado para cobrir despesas que sejam mais urgentes. É importante comentar que esse tipo de recurso precisa ser utilizado apenas em situações eventuais.

A antecipação de recebíveis não pode ser uma ação recorrente da empresa. Caso isso aconteça, é um sinal de que o negócio não está com um planejamento financeiro estratégico e a gestão do fluxo de caixa está ineficiente. A antecipação de recebíveis deve ser considerada apenas como um suporte em situações emergenciais.

>>> Leia também:  PRECIFICAÇÃO: SAIBA A MELHOR FORMA DE CALCULAR O PREÇO DO SEU PRODUTO

Quais as vantagens e os riscos da antecipação de recebíveis?

  • Os juros e taxas são inferiores à de um empréstimo.
  • O empresário adiantará um valor que já seria recebido por ele no futuro, por isso, o risco de inadimplência é muito reduzido.
  • A instituição financeira irá analisar sua empresa e seu cliente. Caso seja encontrada alguma inadimplência ou restrição, a antecipação pode ser negada.
  • IMPORTANTE: caso o cliente não honre com a dívida, a sua empresa será cobrada e responderá por ela perante a instituição financeira à qual a antecipação foi realizada.
  • Embora seja um recurso que não apresenta muitos riscos para as instituições financeiras, a livre concorrência faz com que cada uma apresente taxas diferentes. Isso quer dizer que é necessário ficar atento e comparar todas as possibilidades.

Como fazer a antecipação de recebíveis?

Todo bom empresário sabe: é necessário pesquisar, analisar e comparar.

Então, o primeiro passo para fazer a antecipação de recebíveis é avaliar as taxas de juro cobradas pelas instituições financeiras. Muitas delas apresentam algumas taxas e tarifas para empresas no próprio site, o que facilita o trabalho de pesquisa e pode servir como base para que o empresário consiga fazer as avaliações necessários e achar as que cobram uma taxa menor.

Dica: No site do Banco Central é possível conferir os relatórios mensais com as taxas de crédito cobradas por cada instituição financeira do Brasil. Esses números, porém, podem variar de acordo com a análise de crédito da sua empresa e outros fatores. Por isso, vá até o gerente do banco com as taxas mais baixas e converse sobre a possibilidade de conseguir esse recurso (se o banco for o seu, melhor ainda, pois como já há uma relação, será mais fácil.

Como já falado, a instituição avaliará sua empresa e o cliente para ver se é viável permitir a antecipação.

É importante lembrar: tenha sempre em mente que é imprescindível controlar o fluxo de caixa e se planejar, para garantir, assim, a saúde financeira da sua empresa.

E lembre-se: Trace um plano para saber exatamente a quantia que a empresa precisa no momento. Pesquise todas as condições oferecidas pela instituição financeira. Escolha a que se encaixa melhor nas suas necessidades para não ter surpresas no futuro.

 

Ficou com alguma dúvida sobre a antecipação de recebíveis?
Precisa de profissionais qualificados auxiliando na gestão da sua empresa?

Fale com a gente!
contato@stepconsultoria.com

Autor admin

Deixe uma resposta